V Bazar Lavô tá Novo! – by Anna

Muitas foram as ideias para um novo bazar esse ano, mas somente agora conseguimos colocar a mão na massa. Quem se prontificou a ser a anfitriã dessa vez foi a Anna, minha cunhada, que mora em Perdizes e abrirá as portas da sua casa no dia 30 de julho (sáb.). O endereço, como das outras vezes, será enviado por e-mail – quem não receber, me escreva.

Para quem ainda não participou, o bazar funciona como um grande “clube da luluzinha”, em que a gente se encontra para vender, comprar, doar ou trocar coisas. É uma loucura! Para isso, convido a todas para que façam uma arrumação nos armários para separar o que não usa mais, não gosta ou não serve. Todo mundo tem uma tia que acha que a gente ainda tem 15 anos, né?

A seção mais procurada costuma ser a das roupas, mas a escolha dos itens é bem livre. Podem ser sapatos, acessórios, bijus, perfumes, maquiagem, livros, CDs, objetos de decoração e artesanato, caso alguém tenha dotes artísticos – já teve até venda de cookies da Lili & Clo. Se não tiver nada para vender, apareça para dar uma olhada e bater papo, que já é bem bacana.

Os preços também são escolhidos por cada uma das meninas e as negociações feitas na hora. Para facilitar, selecionei algumas dicas que aprendi na prática.

DICAS ÚTEIS:

  • Lavar/limpar as peças valorizam o material.
  • Cada um deve colocar o preço que considerar justo em cada item. Quem coloca preços mais camaradas vende mais.
  • As etiquetas são fundamentais para o processo fluir. Nelas, o ideal é colocar as iniciais N, SN ou U (para indicar se é novo, seminovo ou usado) + o preço ou a palavra “doação” + o nome da dona (para facilitar trocas e pagamentos). Exemplos: N / R$ 12 / Paula ou U / doação / Paula.
  • Para objetos, as melhores etiquetas são as adesivas. Já para as roupas, é bom fazer algo em papel/cartolina, amarrado com um barbante/fita.
  • Quem chega mais cedo tem mais chance de comprar as melhores peças. Trazer as coisas etiquetadas também ajuda você a não perder tempo para olhar o que está sendo oferecido.
  • Levar dinheiro trocado! Durante a transação, muita coisa acaba sendo troca, mas também é preciso levar dinheiro em notas pequenas e moedas, pois ajuda no troco (algumas compras acabam não rolando por falta dele).

 EDIÇÕES ANTERIORES:

> Edição I + fotos
> Edição II + fotos
> Edição III (by Isabele)
> Edição IV (by Eti)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: